RIO DE JANEIRO - Resende

Resende - RJ

     O município de Resende está localizado ao sudoeste do estado do Rio de Janeiro e faz divisa com os estados de São Paulo e Minas Gerais. É cortado pela Via Dutra (BR-116), principal rodovia do país, ligando as duas maiores capitais. É uma cidade de pequeno a médio porte, com 125 mil habitantes, mas que está crescendo bastante, embora ainda tenha muitas características de cidade de interior. Está a 150 km da cidade do Rio de Janeiro, a voltagem é 110 V e o DDD 24.
Vista aérea da cidade, Rio Paraíba do Sul
Clima: Em maio, começa a esfriar, inverno gelado (comparado a São Paulo e Minas, de dia faz sol, mas de manhãzinha e de noite bastante frio), a umidade também cai, alguns dias ficam bem secos. Já o verão é bem quente, com chuvas de verão (forte e rápida) no final da tarde em vários dias.
Custo de vida: é de médio a alto, a cidade passou por um período bem próspero por causa das empresas que já existiam e das que estavam vindo para região, mas entrou em crise e várias começaram a fechar. Bens de consumo e serviços prestados são medianos, restaurante tem pra todos os custos, alugueis estavam bem salgados, mas, com a queda na procura, abaixaram consideravelmente de preço.
Serviços - Bancos: Banco do Brasil, Caixa, Bradesco, Santander, Itaú e HSBC. Horário bancário de 11h a 16h.
Internet: Oi, Net, Superonda Telecom e Resenet. Em cada prédio e região da cidade pode ter uma que pegue melhor ou que não pegue.
Telefonia: Oi, Vivo, Tim, Claro e Nextel. Na AMAN, as que pegam melhor são a Vivo e a Claro.
Mercados: Não tem grandes redes, apenas mercadinhos e redes locais, como os Supermercados Royal (mais caro e com mais lojas) e o Máximo (mais em conta para fazer as compras, é o que vale mais se não for comprar em atacado), além de um Supermarket, do Panamil (no Santa Isabel), do mercado Alegria (na Cidade da Alegria) e de outros mercados menores. Tem também uma rede de atacado, o Spani (que fica ao lado do shopping novo Pátiomix) e está para abrir um Atacadão em dezembro. Tem alguns hortifrutis espalhados pelos bairros e feira aos domingos na praça do trenzinho.
Comércio: claro que não é tão diversificado quanto o de cidades grandes, mas é bom, você encontra de tudo (só se quiser algo muito específico, como uma marca muito específica de produto, que pode ser difícil de encontrar), tem várias lojas nacionais (Pontofrio, Casas Bahia, Ricardo Eletro, Casa & Vídeo e Lojas Americanas) e muitas locais. Tem o calçadão da cidade onde tem várias lojas e mais nos dois shoppings. O ruim é que a partir de sábado a tarde e domingo, o centro comercial fecha, então final de semana é só shopping mesmo.
Transporte Público: É bastante deficitário, são poucos ônibus da empresa São Miguel (e em nenhum lugar tem o itinerário das linhas, você tem que descobrir como andar perguntando mesmo) e a passagem custa R$3,60. Também muitos dos ônibus que passam na cidade são linhas que vão para as cidades vizinhas. Morando na área central, dá pra fazer tudo a pé. Morando na vila, é bom ter carro, porque só passa um ônibus que demora muito. O táxi não é caro. 
TrânsitoO trânsito fica chato no Centro nos horários de pico e nos arredores da AMAN no final do expediente, é por isso que a maioria dos militares optam por ir de moto. A gasolina está em torno de R$3,89.
O aeroporto da cidade fechou para voos comerciais, então tem que ir para o Rio de Janeiro para pegar voo. A Rodoviária fica perto do shopping novo, e a uns 10 min do HT (andando), tem várias empresas e destinos (principalmente para outras cidades fluminenses, paulistas e mineiras). E todos os ônibus indo pro Rio ou pra São Paulo fazem parada lá. As empresas que fazem Rio - Resende são a Cidade do Aço e a Viação Sampaio.
PNR: todos são ao redor da AMAN. Para ST e SGT 1 a 2 anos de espera, no máximo; quem abre mão do trânsito, consegue com alguns meses. São 292 casas que ficam na vila militar no Monte Castelo. Para oficial, depende do posto... oficial superior já vai com casa, são 80 casas de 2 andares próximas à entrada da AMAN. Capitão e tenente depende da quantidade que vaga, normalmente apenas os mais antigos que pegam no ano que chegam, o restante pega no ano seguinte. Não adianta abrir mão do trânsito, pois é marcada data de apresentação; se apresentar antes, só entra na fila no dia marcado. São 156 casas na vila militar, para capitão no bairro Guararapes (casas boas e próximas ao CIMAN) e para tenente no Monte Castelo (casas menores) e 30 apartamentos no bairro Alambari (ao lado do hotel de trânsito).
Aluguel: Como a cidade é uma das principais do Vale do Paraíba fluminense, os alugueis não são muito baratos. Mas, como a cidade sofreu e ainda está sofrendo bastante com a crise, as fábricas estão demitindo e muitos apartamentos estão ficando vazios, o que faz com que os preços dos alugueis caia bastante. Nos bairros mais centrais e perto de tudo, um aluguel para apartamento de 02 quartos está em torno de R$1000,00, muitas vezes até com o condomínio incluso.
Imobiliárias: Muito embora saia mais barato e seja fácil contratar direto com o proprietário, é bom dar uma olhada também nas imobiliárias (a carta-fiança da AMAN é bastante aceita, inclusive costumam preferi-la, e também é comum colocarem cláusula de rescisão sem multa depois de 1 ano de contrato, o que é ótimo para quando vagar PNR). Algumas imobiliárias são: Fase Quatro (a maior da cidade), Paulo Sampaio, Edilena Imóveis, Marcelino Imóveis, TT DiasBIRReal. Mas o bom mesmo é visitar antes de alugar, procurar placas nas janelas e em sites como OLX e o site www.resendeimoveis.com.br também pode ajudar.
Bairros:
- Bons: Campos Elíseos, Comercial, Jardim Jalisco, Barbosa Lima, Manejo, Jardim Brasília, Vila Julieta, Montese, Vila Santa Cecilia, Centro, Monet, Morada do Castelo (esses dois últimos são por trás do shopping novo, região que está crescendo bastante com muitos prédios novos e muitos militares estão morando por lá porque não pegam o trânsito da cidade, mas são bastante residencial, não tem comércio).
- Médios: Santa Isabel, Elite, Alvorada, Liberdade (barato, mas um pouquinho perigoso);
- Piores: Cabral (perto da AMAN, mas perigoso), Paraíso (atrás da rodoviária, um pouco perigoso, mas alguns militares moram), Cidade da Alegria, Vicentina, Fazenda da Barra, Toyota, Primavera (são bairros perigosos e longe) Ipiranga (porque alaga em tempo de chuva, mas caro), São Caetano e Morada do Sol (longe).
Saúde: Hospital Militar de Resende (antigo HE) e, o que não tem lá ou precisa de urgência e está lotado, encaminham para o SAMER ou para o Hospital da Unimed. Alguns exames também são por convênio. Consulta marca pela internet; algumas especialidades são difíceis de marcar. Atendimento depende dos horários, na parte da manhã a preferência de atendimento é para o cadete e, em determinado tempo à tarde, é pra família. Se for muito grave ou não tiver a especialidade no hospital nem convênio com nenhum médico na cidade, vai pro HCE, no Rio.
Ensino: As melhores escolas particulares são Dom BoscoSanta Ângela (muito boa e cara, mas tem prova pra bolsa), Anglo AmericanoSalesiano e Colégio Anglo Resende. Mas tem também SESIEscola UmAplicação, e Arte Manhas, que são mais baratas e boas. Para educação infantil, tem o Castelinho Encantado, que muitos militares colocam os filhos, fica no Monte Castelo, dentro da Vila. A maioria das escolas dão desconto para militar e algumas têm horário integral.
Das escolas públicas, a melhor é a Olavo Bilac, outra também muito falada é a Pedro Braile Neto. Tem ainda a Anibal Benevolo, que fica dentro da vila, no Monte Castelo.
Creches: Kinder, Baby City, Tangará Encantado, Horas Alegres, Lápis de Cor, Infantário Elite e uma pública muito boa, a Casa da Amizade.
Cursinhos de idiomas: Cultura Inglesa, CCAA, CNA, Wizard, Brasas, Wise Up, You Move, English Insight, Yes, PBF, New Age, Cultura Internacional e outros.
Curso profissionalizantes: Senai, Senac e Senat (Técnicos enfermagem, química, mecânica), Instituto Embelleze (maquiagem, cabeleireiro, manicure) e Escola Técnica Agulhas Negras.
Faculdades: Dom Bosco (da cidade) com os cursos de: Letras, Pedagogia, Educação Física, Ciências Biológicas, Enfermagem, Administração, Ciências Contábeis, Comunicação Social, Economia, Sistemas de Informação, Engenharias e tecnólogo em RH, Logística, Gestão Pública, Produção Industrial e Automação Industrial. E Estácio de Sá com cursos de: Psicologia, Engenharia de Produção, Administração, RH, Gestão de Produção Industrial, Logística, Enfermagem e Direito. Tem ainda um campus da UERJ com curso de Engenharia de Produção e do CEDERJ com os cursos a distância de Administração, Matemática, História e Turismo (é um convênio com as universidades públicas). Em Volta Redonda (a 45 minutos da cidade), tem a UniFOA (particular) e campus da UFF com vários cursos.
Trabalho: Possui alguns hospitais, públicos e particulares, bom para a saúde, mas não é muito bem remunerado (fica perto do piso). Além das fábricas, comércio, escolas e cursos. A cidade é um importante polo industrial, automotivo, metalúrgico, de energia nuclear e turístico, mas, com a crise, várias empresas estão fechando e os empregos estão ficando escassos. Juntando a falta de vagas com um preconceito com esposas de militar, só trabalha aqui quem é concursada, militar ou autônoma.
Violência: Não é tão violento quanto cidades grandes, a cidade passa muita sensação segurança, mas sempre ficamos sabendo de furtos, invasão a casas e até assaltos com arma de fogo. Sabendo por onde andar, tomando cuidados básicos (evitando áreas desertas e mal iluminadas) e procurando evitar bairros afastados e/ou perigosos como Cidade da Alegria, Alvorada, Paraíso, Cabral, Vicentina, dá pra viver tranquilamente. E se for alugar casa, é bom ver se o muro é alto ou se tem tela, pois há furtos a casas de muros baixos.
Lazer: tem todas as redes nacionais de lanchonete (Mc Donald's, Bob's, Burger King, Habbib's, Giraffas e Subway), muitas lanchonetes locais, restaurantes (churrascarias, pizzarias, comida mineira, comida japonesa) e vários barzinhos. Já se você gosta mesmo de boate, vai sentir falta, pois só têm duas casas de show que não são nada demais. Mas volta e meia tem shows bem legais na cidade, no Parque de Exposições, onde acontece a Exapicor, festa que traz grandes atrações para a cidade. Ir pra Penedo (distrito finlandês bastante turístico que fica a cerca de 10 km) à noite é bom. Volta Redonda é uma cidade perto daqui também e tem várias boates legais pra quem gosta. O ecoturismo é muito forte na região, tem muitas trilhas e cachoeiras na cidade mesmo ou nas vizinhas, como em Penedo também ou no Parque Nacional de Itatiaia (o ingresso para moradores de Resende e Itatiaia é R$3,00). Tem 2 shoppings na cidade, o Resende (shopping velho) e o Pátiomix (o novo) com grandes lojas, ambos têm cinema e o primeiro também com boliche e o segundo com pista de kart. Tem ainda o Clube de Subtenentes e Sargentos (CSSAN) e o Círculo Militar (CIMAN), com diversas instalações esportivas e de lazer, além de promover algumas festas. Rio de Janeiro a 2h, Juiz de Fora a 3h e São Paulo a 3h30.
Hotel de TrânsitoHotel de Trânsito de Oficiais da AMAN com 36 apartamentos e 8 quartos. Podem se hospedar oficiais das três forças, civis e familiares de cadetes. Para os praças, tem Hotel de Trânsito em Itatiaia, que fica a 20km da AMAN e conta com 36 apartamentos (24 3352-1426). Na cidade ainda existem mais 9 hotéis.
QuartelAMAN. Pra instrutor, tem campo sempre com os cadetes e só tem meio expediente na primeira sexta do mês. São três oficiais de dia, mas a escala não é apertada porque tem muita gente. Os sargentos também vão pra campo, principalmente se ele ficar com o pelotão auxiliar e, quando os cadetes estão de férias, também pegam os serviços deles.

16 comentários :

  1. Por incrível que pareça a parte médica é caótica, precisei de atendimento para minha filha e me mandaram para o hospital de emergência, que na pratica é para atender acidentados e coisas do gênero. Quanto a rotina é escola, então é diferente mesmo mais desgastante porem com bastante oportunidade de cursos e estágios para quem esta la.

    ResponderExcluir
  2. Sou militar também, e tenho um apartamento de 2 quartos no bairro Campos Elíseos para alugar. Aceito carta-fiança da AMAN. Meu telefone é (22)988329986.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa dia Liana Li. Qual o valor do aluguel do seu apartamento?
      Fui transferido para Resende e estou procurando casa/apto pra alugar. (67) 9186-9774

      Excluir
  3. Respostas
    1. Eu considero bom sim, logo ao lado do centro, próximo a Faculdade Estácio, próximo a mercados e tudo mais

      Excluir
  4. Olá. Alguém saberia me informar em relação a emprego em Resende?

    ResponderExcluir
  5. Olá quero saber qual bairro é bom para morar vou trabalhar no bairro liberdade, estou indo p Rezende e não conheço nada

    ResponderExcluir
  6. Moro há 2 anos aqui e acho a cidade horrível de se morar. Moro em PNR e não vejo a hora de conseguir transferência pra sair desse lugar. Comércio horrível, local de entretenimento horrível, falta de energia diária, calor insuportável. Em resumo a cidade não tem nada é a mesma coisa que roça rs. Detalhe ja morei em fronteira sao gabriel da cachoeira localizado na Amazônia cidade minúsculas com 5000 mil hab se não me engano e lá tem mais coisas para se fazer do que aqui rs...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou nascida e criada em Resende! Agora moramos em cuiaba-MT a 3 anos, vamos tentar voltar pra Resende este ano! Olha acho que vc exagerou um pouco, mais gosto é gosto! Quem faz a cidade é a pessoa :)

      Excluir
  7. Estou me mudando para Resende semana que vem, alguém tem alguma kitnet ou apartamento alugando ?

    ResponderExcluir
  8. Eu estou procurando um lugar menos violento e estressante que o Rio de Janeiro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Resende é o lugar perfeito pra quem é militar e carioca. Vai morar em uma cidade tranquila, boa para criar filhos, servir em uma OM muito boa, que não tem nada a ver com o estigma que possui e vai estar a 170 km do Rio. Nem tão perto dos parentes a ponto de ir caminhando, nem tão longe que tenha que viajar com mala.

      Excluir
  9. Cidade Alegria é a parte "central" de um conglomerado de bairros conhecido como Grande Alegria. A Cidade Alegria em si é um bairro mediano (discordo quanto a ser dos piores), com certa autossuficiência: possui comércio, supermercados, farmácias, agências bancárias, lojas (uma filial das Lojas Cem, por exemplo). Existem, no entanto, outros bairros ao redor, que variam de ótimos a ruins, como: Mirante das Agulhas e Morada da Colina (excelentes), Itapuca (mediano), bem como Jardim Alegria, Alegria 2, Toyota, Primavera, Baixada da Olaria, Morada do Contorno e Acesso Oeste, que são realmente mais críticos (há relatos de roubos e assaltos, embora não seja frequente). O ponto fraco da região da Grande Alegria é realmente estar distante da AMAN, no outro extremo de Resende. Já a falta de segurança, isso é muito relativo e, pra quem vem do Rio de Janeiro pra cá, por exemplo, vai se sentir no paraíso. E falando em Paraíso, eu também discordo. É um bairro no mínimo mediano e muito próximo à AMAN, com comércio bastante diversificado, junto à rodoviária, inclusive tem um ótimo condomínio recentemente construído lá, onde alguns militares inclusive já adquiriram imóvel. Bom, tudo vai de quem analisa...

    ResponderExcluir
  10. Quanto a servir na AMAN, isto é um conceito muito amplo. Aqui existem várias realidades:
    - pra quem vem nomeado e vai trabalhar diretamente na formação de oficiais(Corpo de Cadetes), a batida realmente é mais intensa, meio-expediente apenas na 1ª sexta-feira do mês, manobra no final do ano. Em compensação, tem direito a 2 semanas de recesso no mês de julho;
    - existe o Conjunto Principal (a parte administrativa da AMAN) onde a realidade já é bem distinta. No momento, existe meio-expediente geral na 1ª sexta do mês e nas demais sextas-feiras do mês, é feito expediente administrativo, com militares escalados por setor, portanto, na prática é meio expediente também. A rotina é quase que totalmente focada nas demandas de cada setor e é mais tranquilo do que servir em um quartel de tropa, por exemplo;
    - existe ainda o BCSv (ao qual todas as praças estão subordinadas), onde a rotina é semelhante a de um quartel comum, mas sem foco na parte operacional, pois a atividade-fim do Batalhão é apoiar o Conjunto Principal e o Corpo de Cadetes. Quem trabalha no BCSv e no CP tem direito a uma semana de recesso em julho; e
    - por fim, temos o Hospital Militar de Resende (antigo Hospital Escolar), que possui autonomia e é uma OM totalmente independente da AMAN com rotina e normas próprias.

    ResponderExcluir
  11. Vou mudar para Resende e procuro casa no centro ou próximo a aman. Quem souber me avise 093 991196940 Laís Becker

    ResponderExcluir

O que achou da postagem? Comente Aqui!
Não esqueça de se identificar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog. Se achar que algo seja impróprio ou ilegal, denuncie para a administração.